Abril 30 2010

Poderemos entender-nos com lucidez, objectividade cada um compreendendo o seu lugar no diálogo?

Entender-nos percebendo que só através de uma compreensão aprofundada de todos os dados, contribuiremos para melhorar as relações entre os diversos actores interessados numa educação inclusiva e que respeite a vocação de cada educando?

Poderemos inventariar soluções, não esquecendo a finalidade máxima da educação inscrita na Declaração Universal dos Direitos Humanos: a educação é um direito básico de qualquer ser humano, independentemente da sua origem, cor, classe social, religião, cultura, etc?

 

Leiam ainda o texto Os Entendimentos, de Zé Morgado, uma excelente contribuição para este debate.

 

Uma sugestão da Lurdes Monteiro.

 

 

publicado por apvnpoiares às 11:50

Publicitam-se as actividades e os projectos da APais. Publicitam-se as actividades educacionais público-privadas que envolvam crianças, jovens e pais.
mais sobre mim
Abril 2010
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9
10

11
13
15
17

18
19
21
24

25
26
27
28


links
pesquisar
 
blogs SAPO